Português
Gamereactor
análises
Secret of Mana: Remake

Secret of Mana: Remake

Quase 25 anos depois, Secret of Mana renasce.

Numa lista dos melhores RPG de todos os tempos, a probabilidade de lá encontrar Secret of Mana seria alta. O clássico de 1993, da Squaresoft, foi lançado originalmente na Super Nintendo, e ao longo dos anos foi elogiado por ser inovador, incluir um estilo visual impressionante, uma banda sonora memorável, e uma estória emocionante com modo cooperativo para três jogadores. Esse mesmo jogo foi agora refeito para PC, PS4, e PS Vita, com um novo grafismo em 3D, vozes para as personagens, uma banda sonora renovada, e alguns toques extra para a jogabilidade, tudo por um preço de € 39.99. Mas será este remake capaz de se manter relevante na atualidade, ou nostalgia é tudo o que lhe resta?

Secret of Mana Remake segue a estória de Randi, um jovem rapaz que, depois de se separar dos amigos, encontra uma espada mística. Ao remover essa espada do local em que está presa, Randi acabou por libertar uma série de monstros, que imediatamente começaram a aterrorizar aldeias. Como podem calcular, cabe agora a Randi e companheiros a missão de reverter a situação, e para isso terá de visitar oito templos de mana espalhados pelo reino. É exatamente a mesma estória do original, e continua charmosa, embora nem tudo tenha sido modernizado com sucesso - mas já lá vamos.

Quando a Square Enix revelou o trailer de Secret of Mana Remake, apresentando o novo grafismo do jogo, muitos fãs mostraram preocupação. O novo estilo visual, em 3D, parecia algo entre o estilo algo pixelizado de algo como I Am Setsuna, com o espírito juvenil de algo como Final Fantasy World. Agora que jogámos, estamos no campo dos fãs que ficaram desiludidos com este estilo visual. Considerando que tudo foi refeito, não podemos deixar de lamentar a forma como ainda parece datado, mesmo que retenha parte do charme original.

Uma das maiores novidades é a introdução de vozes nas personagens, algo que em teoria aplaudimos, embora o resultado tenha sido desapontante. O desempenho destes atores carece de capacidade emocional, e para tornar a situação ainda menos imersiva, a boca das personagens não se mexe quando falam. O jogo inclui opção para vozes em inglês e em japonês, e embora nenhuma das opções nos tenha encantado, as vozes em japonês pareceram-nos mais adequadas e emotivas. Um dos toques que mais apreciámos neste Remake são as novas conversas que acontecem nas tavernas, algo que oferece mais algum contexto ao mundo e às personagens.

Muitos fãs de Secret of Mana dirão que a banda sonora do jogo é uma das melhores de sempre, mas não é bem isso que vão encontrar neste remake. A banda sonora também foi refeita, com novos instrumentos e técnicas que não eram possíveis na altura, muito menos de forma a caberem num cartucho. Em termos de qualidade sonora, as novas versões são de facto superiores, mas ainda preferimos a versão original. Os novos sons e instrumentos acabam por retirar algum impacto às músicas, e parecem mais comuns que as originas. Outro problema é o posicionamento das músicas e o volume, que por vezes incomodou durante sequências de vídeo.

Esta nova versão tem várias novidades, mas a essência do jogo é a mesma que existia há 25 anos. Vão explorar as mesmas áreas, defrontar os mesmos bosses, e usar o mesmo sistema de combate, o que provavelmente será o que desejam os grandes fãs do original. Para novos jogadores, contudo, teríamos apreciado uma modernização da jogabilidade, ou pelo menos a atualização de algumas áreas que não envelheceram tão bem. Por outro lado, ficámos desiludidos por não haver forma de desfrutar do jogo original tal como ele era.

O combate funciona como um RPG de ação, o que distinguiu Secret of Mana de vários outros jogos semelhantes da altura. A passagem para 3D acrescentou maior liberdade de movimentos, e mais ângulos de ataque, mas de forma geral funciona da mesma forma. Basicamente vão acumular ataques e ações, antes de conseguirem utilizar magias elementais e ataques especiais. Um elemento que, hoje em dia, parece bastante estranho, é o facto dos desvios das personagens serem aleatórios - um dos elementos que gostaríamos que tivessem mudado, por exemplo. Algo que, felizmente, se mantém, é o modo cooperativo para três jogadores, ainda que seja apenas local.

Secret of Mana: Remake não é a grande versão definitiva que esperávamos. O grafismo foi modernizado, mas não o suficiente para estar à altura dos padrões atuais, e pouco ou nada foi feito para que os elementos mais datados fossem melhorados. Depois de termos visto um excelente remake como Shadow of the Colossus, é mais difícil aceitar algo como Secret of Mana, sobretudo considerando que são exatamente o mesmo preço.

Secret of Mana: RemakeSecret of Mana: Remake
Secret of Mana: RemakeSecret of Mana: RemakeSecret of Mana: Remake
06 Gamereactor Portugal
6 / 10
+
Continua a ser muito charmoso. Existem novas interações. Inclui opção para novatos experienciarem o jogo.
-
Novas vozes não têm emoção. Não permite co-op online. Poucas novidades em relação ao original.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor

Textos relacionados



A carregar o conteúdo seguinte


Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.